i ifict TXT

Teatro

View More
i ifict TXT

Workshops

View More

Notícias

Método Seller – Técnica de “Contact”

Datas: 7 de Junho Horas: 19h00 ás 21h00 Local:...

Curso com o Professor Almir Ribeiro

18,19,21 e 22 de Junho 2018 -das 19:00h às ...

Método Seller – Técnica de Dança Contemporânea para Atores e Bailarinos

Datas: 30 de maio Horas: 19h00 ás 21h00 Local:...

Zona Vermelha

Datas: 11, 12, 13 e 14 de Junho Horas:...

Atelier de Estética Teatral

16 a 29 de Maio com Carlos Melo Imagem:...

Esta Noite Grita-se

No Domingo 29 de Abril pelas 17:00h no IFICT....

Cursos

Curso Teatro Sénior

Destinatários: Seniores Iniciação – Personagem – Espectáculo Trata-se de...

Iniciação – Personagem – Espectáculo

Destinatários: Adultos e Jovens com mais de 16 anos...

Encontro com o Teatro

Destinatários: Crianças e Jovens (8 aos 15 anos) Objectivo:...

Coro Juvenil

Coro Juvenil – dos 10 aos 16 anos Inscrição...

Workshops

Método Seller – Técnica de “Contact”

Datas: 7 de Junho Horas: 19h00 ás 21h00 Local:...

Edward Gordon Craig e a Pedagogia do Uber Marionete

Curso: Edward Gordon Craig e a Pedagogia do Uber...

Método Seller – Técnica de Dança Contemporânea para Atores e Bailarinos

Datas: 30 de maio Horas: 19h00 ás 21h00 Local:...

Zona Vermelha

Datas: 11, 12, 13 e 14 de Junho Horas:...

Atelier de Estética Teatral

Datas: 16 a 18 Maio; 21 a 25 Maio;...

O Instrumentista e o Seu Instrumento

Conteúdos O actor e o seu corpo ferramentas para...

fica a par de todas as novidades

Regista-te agora

Regista-te na nossa base de dados e recebe informação sobre os cursos e workshops.

O que dizem de nós.

Conhece as opiniões dos ex-alunos do Ifict!

Isabel Mões

Isabel Mões

"A partir das primeiras aulas que fiz no IFICT comecei a escrever um diário. Era onde escrevia o que ia aprendendo, os exercícios que fazíamos, mas também as minhas alegrias e claro, as minhas frustrações. Ao longo destes anos recorri muitas vezes a ele para me inspirar, para tirar apontamentos, para me rir dos momentos caricatos que descrevi e das patetices que me passavam pela cabeça.  Voltar ao início é fundamental para pensarmos o que aconteceu depois. Sim, em 1991, com 18 anos foi no IFICT que eu aprendi,  que senti, que vivi, o que veio nortear a minha forma de estar na profissão ao longo dos anos. Obrigada".
22752097_10212478807679205_1294524976_n

Paulo Lázaro

"A minha história com o IFICT é uma história de amor à primeira vista. Folheava eu o Jornal Se7e quando dou de caras com um anúncio que mudou a minha vida para sempre. Cursos de actores e Locutores. Era aquilo mesmo, para alguém como eu que há muito queria fazer rádio de uma forma mais profissional, estava ali a solução. Fui logo lá. Inscrevi-me, prestei provas, e mesmo se os professores insistiam comigo para que fosse para o curso de actores, eu segui o de locutores. A sorte é que os curricula eram muito semelhantes salvo algumas diferenças específicas de cada um, porque em poucos dias percebi que o Teatro nunca mais iria sair-me da pele. Nem a Rádio. Ainda hoje faço ambos e não saberia viver de outra forma."
©leonorfonseca_MiguelMaia2

Miguel Maia

O IFICT é um sítio cheio de coisas dentro. Passei por lá há muitos anos mas estou sempre a voltar, mesmo que somente pelo fogo que me percorre as entranhas quando estou num palco. Um fogo que em muito foi atiçado neste lugar. Sim, é isso, o IFICT é um lugar. E como todos os lugares bons, é para usar sempre que se quiser alimentar o coração.
i-Ifict

Filipe Ferreira

O que significou, significa o IFICT para mim ? ... A "única" oportunidade que tive e tenho de estar ligado uma grande paixão minha O Teatro e de ter tido a sorte de conhecer pessoas fantásticas
i-Ifict

Pedro Freitas

Frequentei o Curso de actores do IFICT no ano lectivo 2006/2007 sob a direcção da Paula Freitas.
Fi-lo numa altura madura da vida, ciente de que um dia o faria, pois tratava-se de um sonho que tinha começado aos 12 anos.
E o curso do IFICT foi O sonho tornado realidade.
Não posso deixar de realçar o excelente ambiente da escola, a magnífica Paula (que será sempre a nossa Paulinha), a sua entrega, o seu amor, o seu entusiasmo e a sua dedicação únicos, os óptimos colegas que tive e os amigos que daí ficaram, as noites de vendaval e trovoada que não conseguiam desanimar-nos ou desmotivar-nos, as incursões do Gutkin procurando tirar o melhor de cada um de nós, enfim, um sem número de boas recordações que me levaram um dia a praticamente repetir o curso!
Por tudo, obrigado Paula, obrigado IFICT.
i-Ifict

Sónia Oliveira

É com muito carinho que guardo no “baú” nas minhas memórias o tempo passado como "Ex" do IFICT. Foram tempos fantásticos, de puro crescimento coletivo na arte dramática. O relacionamento de todo grupo de trabalho, de passar das palavras aos atos, de fazer crescer um projeto de autor, mas que acabava por ser de todos nós, foi uma experiência enriquecedora, e que aconselho de coração! Um bem-haja a todos.  
Filipe Duarte

Filipe Duarte

O I.F.I.C.T foi fundamental para a minha formação. Decidi que queria ser actor quando acabei o curso, com consciência da sorte que tive de aí ter nascido. Ficará no que sou e no que faço. Ficarei sempre grato aos professores e colegas que tive.
Sagrado.Livre
Paulo Pintocores

Paulo Pinto

O IFICT mudou a minha vida. Quando fiz o curso tinha acabado de fazer 18 anos, os professores e os colegas que tive foram determinantes para a minha formação não só como actor mas sobretudo como pessoa. Ainda hoje continuo, no meu trabalho, a utilizar ferramentas adquiridas nesse tempo. Estive muito ligado ao IFICT, sobretudo nos primeiros anos de actividade, ou ensaiando ou fazendo espectáculos lá, com o Adolfo Gutkin, a Paula Freitas, o Carlos Gutkin, o Rogério de Carvalho e o Ávila Costa. Na realidade, hoje ao olhar para trás percebo que a minha formação do IFICT não foi apenas, (e era tanto!), o curso, mas também estes anos que se seguiram em tive o privilégio de poder trabalhar lá e assim aprender mais. Posso mesmo dizer que não seria actor se não tivesse feito o IFICT.
rita fouto_foto para site IFICT

Rita Fouto

"O IFICT foi a casa onde me descobri, nesta arte a quem se exige mais do que à própria vida. Adolfo Gutkin e Paula Freitas foram (e serão sempre) meus Mestres queridos."
i-Ifict

Isabel Milhanas Machado

Frequentei o grupo de teatro do IFICT durante pouco tempo mas guardo até hoje os dias lá passados. Aquelas pessoas que traziam ao final do da tanta boa disposição e vontade de ensaiar. Lembro-me das palavras do Gutkin e o seu olhar atento e carinhoso. É sem dúvida uma família a que sabe sempre bem voltar.  
João Condinho

João Condinho

O Ifict é uma referencia de resistência cultural onde tenho e encontro bons amigos.  
Carla Bolito

Carla Bolito